O primeiro voo // First flight

107 / 75 / 0

Wright Brother, Kitty Hawk, 17.12.1903

Kitty Hawk, 17 de Dezembro de 1903. Do chão eleva-se pela primeira vez, à força de motor de explosão, o Flyer I (bem, como uma pequena ajuda de catapulta). Estavamos a voar. A data, ao dia, ao mês, foi também escolhida, 32 anos mais tarde, para o primeiro vôo de outra máquina dos ares que se iria tornar uma referência, o DC3. DC3 que, a certo ponto da história, estaria por quase todo o lado e todos nele voariam. O “Dakota”, para os amigos, marca também um ponto onde a aviação civil comercial, os “aviões normais” de linha, atingem um desempenho comparável aqueles desenhados especialmente para bater records de longo curso. Basta pensar que os segundos classificados da corrida MacRobertson foram um DC-2 (antecedente do nosso Dakota) e um Boeing 247…

DC 3

107,75,0… zero? Bem, amanhã começa outro aniversário com a inauguração dos novos estúdios da Rádio Zero, uma rádio que se quer um local de incentivo a “novas e antigas formas de fazer rádio”. É outro ponto de intersecção possível com a Aviação. O desenvolvimento das comunicações rádio jogou e joga um papel crucial nas autoestradas do céu, possibilitando a facilidade de deslocamento que hoje assistimos, onde o romantismo de entrar num avião de linha áerea foi substituída pelo incómodo da duração da viagem… além disso a rádio suscitou as mesma esperanças que a aviação, a de se sobrepôr às fronteiras, aproximando o Homem. Do resultado o leitor/a julgará…

Rádio Zero

About the author

Ricardo Reis

View all posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *